27 de mai de 2011

Danza cu duro!

O kuduro angolano de que se fala na canción vén xustamente do que parece: é un estilo de baile onde os cadrís deben manterse duriños.

Aquí en Galiza escóitase máis a versión en español de Don Omar, mais a orixinal é do cantor e compositor portugués coñecido como Lucenzo.



Vem para quebrar kuduro!
Vamos dançar kuduro!
Oi oi oi!
Seja morena ou loira , vem balançar kuduro!
Oi oi oi!

Vem dançar comigo, seguindo este ritmo.
Quero-te ver balançar,
Todos a lado a lado, vai ser toda a noite,
vem dancar até cansar:
Mexe kuduro,
(balançar) que é uma loucura,
(morena) vem ao meu lado,
(ninguém) vai ficar parado,
(quero ver...)

Oi oi oi!
Vem para quebrar kuduro , vamos dançar kuduro!
Oi oi oi!
Seja morena ou loira , vem balançar kuduro!
Oi oi oi!

Vem, vem, vem!
Sabes bem bem que é só dançar.
Kuduro está no ar.
Dá-me a tua a mão, não me digas não,
Vem dançar porque ninguém vai parar!
Mexe kuduro,
(balançar) que é uma loucura,
(morena) vem ao meu lado,
(ninguém) vai ficar parado,
(quero ver...)

Oi oi oi!
E para quebrar kuduro , vamos dançar kuduro!
Oi oi oi!
Seja morena ou loira , vem balançar kuduro.
Oi oi oi!

Ladies and gentlemen,
Paris people report on a floor,
Big ali New-York city (yes)
Lucenzo (yes)
Let's go! Sube las manos!
Mujeres!
Bailar!
Fiesta!

Oi oi oi!
Oi oi oi!
Irmão meu! Irmão meu!
New York City!
Portugal!
Oi oi oi!

Nenhum comentário:

Postar um comentário